Brasil 0 x 0 Colômbia – Adeus Dunga, parte II!

outubro 16, 2008 at 5:12 pm Deixe um comentário

O Brasil voltou a mostrar os velhos problemas e ficou no 0 a 0 com a Colômbia, nesta quarta-feira, pela décima rodada das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2010. Mostrando um futebol sem nenhuma criatividade e num ritmo lento, a Seleção chegou ao terceiro empate sem gols em casa nas Eliminatórias. Os outros dois foram contra Argentina e Bolívia.

A Seleção foi mal do goleiro ao ponta esquerda e ninguém se salvou, nem mesmo Kaká, que voltou ao time na última partida e fez um grande jogo. Robinho foi um mero figurante em campo, e saiu machucado no início do segundo tempo, assim como o zagueiro Juan.

Apesar do tropeço, o Brasil segue em segundo lugar na classificação, com 17 pontos, mas a distância para o líder Paraguai aumentou para seis pontos. Já a Colômbia voltou para casa satisfeita com o empate, que o levou aos 11 pontos, na sétima colocação.Assim não dá, Brasil!
Como não poderia deixar de ser, o Brasil tomou a iniciativa da partida desde o primeiro minuto, mas esbarrava na forte marcação do time colombiano. A equipe brasileira sabidamente se atrapalha quando enfrenta adversários excessivamente retrancados. Vendo que a Seleção Brasileira encontrava dificuldades para atacar, os colombiano se assanharam e passaram a gostar do jogo. Com apenas 10 minutos, a torcida carioca começou as vaias.

A primeira defesa do goleiro da Colômbia veio apenas aos 22 minutos. Elano achou Robinho na área, o atacante dominou no peito e tentou o chute cruzado. A bola saiu fraca e o goleiro Julio pegou com extrema facilidade. Aos 27, o Brasil levou um susto. Após falta cobrada no ataque colombiano, Júlio César se atrapalhou, deixou a bola escapar e Rentería fuzilou, mas o goleiro brasileiro se recuperou e salvou o Brasil de tomar o primeiro.

O Brasil encontrava muitas dificuldades para penetrar na retranca colombiana, e a torcida já começava a ficar impaciente e ameaçando vaiar o time. A melhor chance de gol brazuca na etapa inicial veio aos 30. Depois de cruzamento de Elano, Juan cabeceou e o goleiro Júlio fez grande defesa.

Vaias e Olé!
Dois minutos depois, Robinho recebeu lançamento, dominou na área e bateu forte. O goleiro Julio fez outra boa defesa, no canto direito. Aos 37, o Brasil passou por novo susto. Quintero foi lançado no contra-ataque e ficou no mano-a-mano com Lúcio, que fez o desarme. Aos 44, Elano jogou na área, Juan ajeitou de cabeça e Jô se esticou todo para desviar para fora.

No finalzinho do primeiro tempo, a torcida presente ao Maracanã começou a demonstrar seu descontentamento com a equipe e ecoou o velho grito ouvido na partida contra a Bolívia, no Engenhão, também na Cidade Maravilhosa: “Adeus, Dunga”! O primeiro tempo terminou com a torcida gritando olé para o time colombiano, que tocava a bola sem pressa.

Nada muda!
Na volta do intervalo, o Brasil continuou sem nenhuma inspiração e esbarrando na forte marcação adversária. Aos três minutos, Jô recebeu na área, girou e chutou no canto, para boa defesa de Júlio. Este ataque nos primeiros minutos deu a impressão que a equipe voltaria diferente, mas foi só ilusão e o time seguiu com a lentidão com que terminou a etapa inicial.

Aos 18 minutos, Alexandre Pato, que havia acabado de entrar no lugar de Robinho, que saiu machucado, recebeu cruzamento de Jô, se esticou todo e, de frente para o gol, desviou para fora. O tempo foi passando e nada do Brasil marcar, deixando a torcida ainda mais irritada a cada erro.

Aos 25, quem chegou com perigo foi a Colômbia. O atacante Rentería, ex-Internacional, ganhou a disputa de bola na entrada da área e finalizou para fora, com muito perigo. Nos dez minutos finais, o Brasil pressionou, mas a noite não era mesmo da Seleção Brasileira. Com um futebol brucrático e sem criatividade, a torcida voltou para casa mais uma vez amargando um empate com um time fraquíssimo. Até quando?

Próximos jogos
As Eliminatórias agora terão uma longa pausa e as equipes só voltarão a campo dia 28 de março do ano que vem. O Brasil enfrenta o Equador, fora de casa, enquanto a Colômbia recebe a Bolívia.

Ficha Técnica

Brasil 0 x 0 Colômbia

Local: Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro – RJ
Árbitro: Rubén Selman – CHI
Cartões amarelos: Bedoya, Vargas e Rentería (Colômbia)

Brasil
Júlio César; Maicon, Lúcio, Juan (Thiago Silva) e Kléber; Gilberto Silva, Josué, Elano (Mancini) e Kaká; Robinho (Alexandre Pato) e Jô.
Técnico: Dunga.

Colômbia
Julio; Zuñiga, Perea, Yepes e Armero; Bedoya (Aguillar), Vargas, Guarín e Toja; Rentería (Ramos) e Quintero (Moreno).
Técnico: Eduardo Lara.

Anúncios

Entry filed under: Esporte, Política. Tags: .

Rapaz que morreu eletrocutado é enterrado em São Lourenço FIQUEM LIGADOS !!!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Agenda

outubro 2008
S T Q Q S S D
« set   jun »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Most Recent Posts